Blog Widget by LinkWithin

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

See across the field
See the sky ripped open
See the rain comin' through the gapin' wound
Howlin' the women and children
(Bullet The Blue Sky - U2)


Foto do incrível pôr-do-sol pós chuva em São Paulo, Susana aprecia a bela paisagem vertical.
(segundo o comentário dela mesma, (abre aspas) Bem fálico (Fecha aspas))

Eu que achava que carnaval na capital paulista não seria em nada interessante. Afinal, esses "goiano do pé rachado", acostumados á pular carnaval em Goiás Velho, Pirenópolis e as cidadezinhas do interior,
querem mais é sair na rua, na muvuca, no frevo... Achei errado.
Me encantei já na manhã de sábado pelos bonecos gigantes na estação da Luz. A movimentação contida e simples que se deu aos arredores foi contagiante. Eu que estava na Pinacoteca, não pude evitar dos pés darem sinais, discretamente, de samba e fui pra rua!
De lá, escambei até a praça Benedito Calixto, para expor as camisetas. Surpresa! O carnaval me perseguia. O carnaval perseguia São Paulo, meu Deus! Mesmo na garoa, um "mini-bloco" formado por amigos de um grupo de teatro "estacionou" na praça e começou a folia.
Sophia, não resistiu. Não conhecia ninguém, entrei de gaiato para o Bloco do João, onde
a marchinha era: " João era um tarado
tarado pelo carnaval..."

Quando dei por mim, já tinha encontrado conterrâneos goianos e vizinhos candangos, tropeçando na Alves. Eu não sabia e eles me alertaram: " Ó, 20h sái outro bloco daqui, tradicional! O Bloco
Vai quem Qué!". Terminada a feira da Benedito, é hora de ir quem quiser. Uns gringos diziam num português enrolado: "Amo o Brasil, na minha terra não tem isso! Quero suingue!" e tocavam pandeiro! Que interação!!! Uma multidão de gente, andando, suado, colado, na colorido do carnaval, cantando todos os clássicos das marchinhas
até algumas músicas carnavalescas atuais!
Falo desse dia com tanta empolgação porque me atentei para vários detalhes, íntimos.
Como por exemplo, o fato deu me orgulhar em ser brasileira e os sorrisos vibrantes de carnaval.

Dizem que o ano realmente começa pós ziriguidum-tico-tico-páskicudum-tumdum...


Nenhum comentário:

Postar um comentário